Terça-feira, 26 de Junho de 2007

Sinfonias de Aço

"A filosofia aqui em Barcelos ainda é muito popular – para não dizer parola – e um programa como o “Sinfonias de Aço” é algo que fez confusão a muita gente. Aliás, a maior confusão acho que nem foi o facto de o programa ter este modelo; a confusão foi mesmo ele ser UM programa. A ideia que o pessoal tem de programa é cruzar um molho de discos num determinado espaço horário e dar um nome a esse espaço. Isso é que é um programa. Ou seja, um programa de música brasileira é passar uma ou duas horas a meter música brasileira e mais nada. Se aparece um cromo a fazer um programa de música portuguesa a dar notícias, agenda de concertos, entrevistas, etc., isso já é muita confusão para tantas “estrelas cintilantes” da rádio, habituadas que estão a não fazer nem 10% do trabalho e a serem pagas por isso. O “Sinfonias de Aço” nunca foi pago e representou sempre um encargo para o seu autor, outra coisa que fez imensa confusão aos “profissionais”. Enquanto que eles são chulos da rádio e só a fazem para ganhar dinheiro, eu faço rádio porque gosto de rádio. E sou o último dos moicanos em Barcelos. Não há mais ninguém a fazer rádio gratuitamente."
(...)
O MySpace está a transformar-se numa estrutura demasiado pesada e confusa e começa a ter problemas, nomeadamente com o spam e a agressividade publicitária e pornográfica. O pior mesmo é que tornou algumas bandas preguiçosas. Dantes, o pessoal queria a toda a força criar um site e personalizá-lo; depois apareceu a facilidade de se ter um blog, com a interactividade que eles possuem, fruto também do desenvolvimento das linguagens dinâmicas e do software do lado do servidor; agora, um espaço no MySpace cria-se em 5 minutos e as bandas dizem logo que já “têm um site”. Com isso, muitas bandas dão por concluídas as acções de promoção. Põem umas músicas, mandam uma mensagem genérica a toda a gente a dizer que têm lá músicas e está feito(...) O pessoal com o MySpace acha que não precisa de bulir mais e nem quer saber de rádios para nada. Não sabem, mas estão enganados. Ou então estou eu." Manuel Melo
publicado por Ridwan às 23:00
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

.Feeds

  Subscribe in a reader

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

.arquivos

. Abril 2009

. Março 2009

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

.links

.tags

. todas as tags

Creative Commons License
.